Webmail UNIVAÇO   Portal Institucional   Moodle Univaço

(1) 2 3 4 ... 20 »
Famevaço : Edital Processo Seletivo de Transferência 2015
Enviado por Visitante
Famevaço : Edital Programa de Iniciação à Docência 2015
Enviado por Visitante
Famevaço : Horário de Exame Especial
Enviado por Visitante
Famevaço : Acadêmicos da Univaço são premiados durante evento científico em Maceió
Enviado por Visitante

Acadêmicos da Univaço são premiados durante evento científico em Maceió


A pesquisa levou o primeiro lugar no XXIV International Congress of Cardiovascular Sciences

O pôster “Relato de caso - Trauma Intestinal por Cinto de Segurança", dos alunos Gustavo Henrique de Oliveira Teixeira, Breno Vianey Pinto Godinho, Wellington Rangel de Castro Farias, Thiago Miranda Moreira e Pedro Henrique Cunha Andrade, sob orientação dos professores João Bosco Dupin e Jaílson Tótola, da Univaço, foi premiado como Melhor Pesquisa Original de Relato de Caso no XXIV International Congress of Cardiovascular Sciences, em Maceió, Alagoas, realizado entre os dias 13 e 15 de novembro.

Durante o fórum, especialistas debateram as últimas novidades em válvulas cardíacas, avanços e desafios da cirurgia cardíaca, arritmias, uso de células-tronco e novos medicamentos.

Entre os desafios e novidades nas técnicas de cirurgia cardíaca, as discussões passaram pela viabilidade do uso de métodos minimamente invasivos, cirurgia sem sangue e técnica de utilização da veia safena, nas cirurgias de ponte de safena, com perspectiva de longa duração.

Foi também abordado o emprego de células-tronco, com apresentação de teses sobre prevenção, mediante diagnóstico precoce, e novos equipamentos para corrigir problemas no coração que podem levar à arritmia.

“É uma oportunidade única participar de congressos de alto nível e de grande relevância. Permite ampliar nossos conhecimentos e horizontes na medicina, ficar atualizado com o que há de mais novo e conhecer pessoas do meio científico, podendo assim enriquecer e agregar valores ao nosso currículo. É extremamente gratificante representar nossa faculdade no cenário internacional e trazer para casa uma premiação", contou a acadêmico Gustavo Henrique.

O fórum congregou as realizações simultâneas de mais de dez eventos, vários deles de âmbito internacional, entre eles o XX Fórum da Academia Internacional de Ciências Cardiovasculares, o XXXII Congresso Brasileiro de Circulação Extracorpórea, o XV Fórum Internacional de Fisiologia Cardiovascular Aplicada e o IV Fórum de Biomedicina Cardiovascular.

Pesquisadores nacionais e internacionais de renome participaram do evento. Um conjunto de 17 entidades da área de cardiologia integrou a organização do fórum científico, entre elas a SBCCV (Sociedade Brasileira de Cirurgia Cardiovascular), a SBC (Sociedade Brasileira de Cardiologia), a Sobradpec (Sociedade Brasileira para o Desenvolvimento da Pesquisa em Cirurgia), a SBCEC (Sociedade Brasileira de Circulação Extracorpórea) e a ABCI (Associação Brasileira de Cardiologia Intensiva).

Em nível internacional, o fórum teve a participação das entidades IACS (International Academy of Cardiovascular Sciences South American Section), a Sociedad Latinoamericana de Cirugía Cardiovascular y Torácica, a Sociedad Peruana de Cirugía Cardiaca Torácica y Vascular, a Facultad de Medicina UBA (Argentina), a University of Manitoba (Canadá), o Institute of Cardiovascular Sciences (University of Miami, USA) , o Department of Cardiothoracic Surgery University of Ottawa (Canadá) e o Medical Devices Innovation Institute (Canadá).

Cardiologistas, profissionais e estudantes de outras áreas médicas (biomedicina, pediatria, pneumologia, anestesiologia, fisioterapia, enfermagem, psicologia, clínica médica e área de imagens e diagnóstico) também marcaram presença no evento.

Famevaço : Trabalhos aprovados para Jornada da Liga Acadêmica de Pediatria
Enviado por Visitante
Famevaço : Questionarios de autoavaliação
Enviado por Visitante
Famevaço : Resultados dos estágios extracurriculares
Enviado por Visitante
Famevaço : Edital Jornada Pediatria
Enviado por Visitante
Famevaço : Edital NAEPS
Enviado por Visitante





EDITAL ESTÁGIOS EXTRACURRICULARES 1-2015 SEM FÉRIAS EM VIRTUDE DA COPA

Famevaço : Univaço reafirma compromisso com o Outubro Rosa e apoia a luta contra o câncer de mama
Enviado por Visitante

Univaço reafirma compromisso com o Outubro Rosa
e apoia a luta contra o câncer de mama




De acordo com o Instituto Nacional de Câncer (Inca), no Brasil, as taxas de mortalidade pelo câncer de mama são elevadas, uma vez que a doença ainda é diagnosticada em estágios avançados. Relativamente raro antes dos 35 anos, acima dessa faixa etária sua incidência cresce rápida e progressivamente. Estatísticas indicam aumento de sua incidência tanto nos países desenvolvidos quanto nos em desenvolvimento.



Como forma de dar mais visibilidade à luta contra o câncer de mama e fortalecer a importância do diagnóstico precoce, a cada ano vem aumentando a adesão ao movimento mundial "Outubro Rosa". A popularidade do movimento alcançou o mundo, motivando e unindo diversos povos na luta contra o câncer de mama. E, assim como em 2013, para adesão à campanha a Univaço ambientou a sua iluminação interna e externa na cor rosa, além de multiplicar o movimento na comunidade.



Para reforçar ainda mais a adesão, hoje (28/10), pela manhã, a Univaço fez um movimento de conscientização e prevenção contra o câncer de mama na Praça 1º de Maio, no Centro de Ipatinga. Na ocasião, foi montada uma tenda no local e feita uma passeata contando com a distribuição de panfletos com orientações sobre a doença.




Outubro Rosa



A ação de iluminar com a cor rosa monumentos, prédios públicos, pontes, teatros etc. surgiu como forma prática para que o Outubro Rosa tivesse uma expansão cada vez mais abrangente para a população e que, principalmente, pudesse ser replicado em qualquer lugar, bastando apenas adequar a iluminação já existente, fazendo desta uma leitura visual compreendida em qualquer lugar no mundo.



A primeira iniciativa vista no Brasil foi a iluminação na cor rosa do monumento Mausoléu do Soldado Constitucionalista (mais conhecido como o Obelisco do Ibirapuera), em São Paulo-SP. Essa iniciativa foi de um grupo de mulheres simpatizantes com a causa do câncer de mama, que, com o apoio de uma conceituada empresa europeia de cosméticos, iluminaram com a cor rosa o Obelisco do Ibirapuera.

Famevaço : Dia da Ciência movimenta alunos na Univaço
Enviado por Visitante

Cada vez mais as instituições de ensino compreendem a importância de sua produção científica, uma vez que é por meio dessa produção que o conhecimento é difundido, democratizado e levado até a sociedade. Segundo informações da Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência (SBPC), o Brasil é responsável por 2,7% da produção científica mundial, mas ainda ocupa a 58ª colocação entre os países mais inovadores do mundo. Sabendo dessa importância, a Univaço promove todos os anos, o Dia da Ciência.
Várias palestras, minicursos e oficinas rechearam a programação do Dia com a realização de atividades promovidas pelas Ligas Acadêmicas do curso de Medicina. O evento contou com a efetiva participação dos docentes e acadêmicos das 15 Ligas implantadas na Instituição, além de convidados externos.
As atividades promoveram atualizações em diferentes áreas da Medicina, desde temas relacionados à prevenção e promoção da saúde, até técnicas modernas na área de cirurgia.
A abertura do evento aconteceu no auditório Dr. José Torres Alves e contou com as palestras “Diagnóstico de Fratura de Face: Exame Clínico e Radiológico”, ministrada pelo Acadêmico Bruno Moura Alves e Mecanismos do Trauma Craneoencefálico ministrada pelos acadêmicos Breno Gomes Andrade e Laís Simião Garcia.
Nesta edição do Dia da Ciência foram apresentadas palestras e/ou relatos de casos, das seguintes Ligas Acadêmicas – Liga de Avaliação Periódica em Saúde; Liga Acadêmica de Atualidades em Saúde Pública; Liga Acadêmica de Diagnóstico por Imagem; Liga Acadêmica de Educação Médica; Liga Acadêmica de Hepatologia; Liga Acadêmica de Incentivo ao Aleitamento Materno; Liga Acadêmica de Medicina Psicossomática; Liga Acadêmica de Medicina de Urgência e Emergência; Liga Acadêmica de Neuropsiquiatria; Liga Acadêmica de Oncologia; Liga Acadêmica de Pediatria e Neonatologia; Liga Acadêmica de Procedimentos de Suporte Básico, Acesso Venoso e Monitorização; Liga Acadêmica de Suporte Ventilatório em Urgências; Liga Acadêmica de Toxicologia; e Liga Acadêmica do Trauma.

Famevaço : Horário de prova final 2014/2
Enviado por Visitante
Famevaço : Entidades médicas pedem padronização de termos usados em diploma de medicina
Enviado por Visitante

*Da redação* - O Globo - 07/10/2014 - Rio de Janeiro, RJ


O Conselho Federal de Medicina (CFM) e a Associação Brasileira de Educação
Médica (Abem) querem que as 242 escolas médicas do país utilizem apenas o
termo “diploma de médico” nos documentos que atestam a conclusão da
graduação de medicina. Para isso, as entidades formalizarão um pedido junto
ao Ministério da Educação, já que atualmente as instituições podem usar,
além do referido termo, o título de `bacharel em medicina`.

Segundo a assessoria do CFM, muitos profissionais têm relatado dificuldade
em obter equivalência de diplomas em outros países, quando tentam
frequentar cursos de pós-graduação e programas de intercâmbio. Isso porque
as instituições exigem uma tradução juramentada dos certificados e, em
muitas nações, não existe o termo “bacharel em medicina”.

Em função disso, algumas instituições chegam a recusar os documentos dos
profissionais brasileiros ou fazem com que precisem encarar uma série de
burocracias para comprovar a equivalência entre os dois termos.

A solicitação diz respeito ao que o CFM classifica como um impasse gerado
pela publicação do parecer 25/2014, do Conselho Nacional de Educação (CNE),
no qual expressa o entendimento de que no diploma do egresso deveria
constar a nomenclatura “Bacharel em Medicina”, apesar de reconhecer a
igualdade da qualificação entre os títulos de médico e de detentor de
bacharelado.

Além de pleitear o pedido junto ao MEC, o CFM informou que também já está
acionando as universidades para que deixem de adotar o termo `bacharel em
medicina`.

Por meio de nota publicada no Facebook, o CNE informou ter estabelecido uma
equivalência legal entre as duas denominações, `médico` e `bacharel em
medicina`, embora a denominação `médico` seja a mais usada
tradicionalmente. Segundo o órgão, as universidades têm autonomia para
adotar a denominação que preferirem. No âmbito do MEC, não há discussão
sobre o uso dessas denominações.

Famevaço : DIA DA CIÊNCIA 2014
Enviado por Visitante
Famevaço : Inscrições para as Disciplinas Optativas no Moodle.
Enviado por Visitante
(1) 2 3 4 ... 20 »